A taxa de vacância no mercado de condomínios logísticos de São Paulo fechou 2017 em 23,9%, uma alta de 0,6 p.p. na comparação anual. O preço médio pedido do aluguel caiu de R$ 20,3 por m² ao mês, em dezembro de 2016, para R$ 19,4 por m² ao mês em dezembro de 2017. Por outro lado, a absorção líquida em 2017 foi 36% superior à registrada no ano anterior, totalizando 191 mil m².

O mercado industrial do Rio de Janeiro enfrentou no ano passado os efeitos da recessão e dos escândalos políticos. A taxa de vacância encerrou 2017 com aumento anual de 1,7 p.p., passando de 23,3%, no final de 2016, para 25% no fechamento de 2017. A absorção líquida anual foi negativa em 32,4 mil m². O preço médio pedido de locação fechou o ano em R$ 22,3 por m² ao mês, contra R$ 23,2 por m² em dezembro de 2016. “Os proprietários continuam adiando as novas entregas e aguardando a retomada da economia”, afirma Gustavo Garcia, Head de Pesquisa e Inteligência de Mercado para América do Sul.